sábado, 27 de fevereiro de 2016

Caminhos para limpar a dor de um Abuso Sexual


Um Novo Começo - É doloroso e preciso discorrer sobre um assunto tão importante quanto os abusos sexual e moral (emocional) em mulheres sejam em épocas de infância, adolescência e adulta.

Cynthia James é uma mulher extraordinária a qual vim a pouco conhecer através de um seminário on line e gratuito e quanto ao seu trabalho junto as mulheres africanas frente as mazelas da sociedade e a incompetência para lidar com questões como esta.

Cynthia sabe por experiência própria o quão desanimador, apático e destruidor faz uma pessoa sentir após um acontecimento doloroso, ou uma série de eventos dolorosos que ocorrem sem prévio aviso.

“Eu vim de uma infância violenta de abuso sexual” diz James, Ministra na Igreja Hi Church em Lakewood, Colorado. “Eu vivi minha adolescência, meus 20 e 30 com este paradigma”.

Quando ela esteve no fundo do poço, a “Reverenda Cynthia”, como costumam chama-la, iniciou seus estudos em princípios da Ciência da Mente e do Espírito, um movimento baseado em livros de Ernest Holmes. Ela utilizou estes princípios para olhar de forma coerente para sua vida – tentando retirar profundamente padrões negativos e se treinar para pensar diferente.

“Nós atraímos o que pensamos e sentimos” diz a Reverenda Cynthia. Este conceito de “Lei da Atração”, amplamente publicado no documentário “The Secret” é também uma Ciência da Mente e do Espírito ensinando passos para uma vida de sucesso. “Você é responsável e deverá escolher”, explica Rev. Cynthia.

“Mas”, ela avisa, “isto levará tempo para criar a vida de sucesso que almeja”.

Ela sugere estas 5 ações voltadas para a libertação espiritual das dores dos eventos do passado para sentir sua vida com alegria e paixão.

1 – Descreva em um papel sua vida e o que você não mais precisa

Você está viciada em algum comportamento autodestrutivo como álcool, comida ou sexo para se livrar de emoções que te relembram de eventos do seu passado? Se você está atenta a comportamentos que não quer mais, você poderá com maior facilidade identifica-los.

2 – Pare de permitir que sua “história” e seu passado defina você e seu futuro

Escute a si mesma quando você contar sua história toda vez. Perceba as reações das pessoas. Se você puder focar sua atenção no agora do que no passado, você poderá mudar sua vida hoje.

3 – Preste atenção em como as dores do passado se manifestam fisicamente em seu corpo

Seu passado, inclusive o passado de seus ancestrais, estão incorporados em sua mente, no seu espírito e no seu corpo físico – e esta história irá aparecer em várias circunstâncias. Comece a explorar a linguagem do seu corpo e pratique formas de liberar a dor em um nível físico através de música, meditação, e corpo-mente como a yoga, dança, t’ai chi ou chi kung.

4 – Aprenda auto-cuidados essenciais

Coloque-se em primeiro lugar mentalmente, emocionalmente, fisicamente e espiritualmente praticando exercícios, comendo saudavelmente, meditando, orando. Cuide de você mesma de forma a lhe possibilitar uma presença consciente quando for ajudar aos outros.

5 – Defina sua intenção, foque sua atenção nela, e se comprometa com ela

Tente se inspirar em um “mapa da vida” da seguinte forma: Junte imagens de jornal ou revista e palavras que descreverão a vida que você quer ter e as cole em uma cartolina ou qualquer outro lugar que fique bom pra você. Coloque este mapa em um local que você verá todos os dias. Este mapa da vida e um tipo de afirmação que ajudará a sentir mais desejo em direção a sua nova realidade, e mantendo isto como sua prioridade ajudará nas escolhas de suas ações todos os dias.

Mudar os pensamentos ainda parecem muito difíceis? Se sim, Reverenda Cynthia implora para se diferenciar. “Você está trabalhando duro de toda forma! Tantas pessoas me dizem que estão lutando; e lutar não é o mesmo que trabalhar duro?” ela diz. 

Todas nós somos únicas e maravilhosas. Curar e se libertar é uma escolha. Não há nada que já aconteceu com você e que poderá impedir sua grandeza”.


Fonte: Rev. Cynthia James
Tradução: Nádia Bouças


Google+ Followers

DISK 180

DISK 180
Central de Atendimento à Mulher é gratuita e funciona 24 horas por dia, de segunda a domingo, para orientar a mulher vítima de agressão.